Câmara aprova impeachment de Crivella

A Câmara Municipal do Rio de Janeiro aceitou no fim da tarde desta terça-feira, 2, o pedido de impeachment do prefeito da cidade, Marcelo Crivella (PRB). Dos 51 vereadores do casa legislativa, 35 votaram a favor, 14 contra e dois abstiveram-se. Para que o processo fosse iniciado, era necessária apenas a maioria simples, de 26 vereadores.

Depois da votação, o presidente da câmara comanda uma votação para definir a comissão que vai investigar Crivella. Os vereadores membros deverão emitir um parecer em até 90 dias, que será encaminhado para o plenário, em que podem recomendar o afastamento ou não do prefeito, revela o MSN.

Este é o segundo pedido de impeachment contra Crivella. Ele foi protocolado nesta segunda-feira, 1, pelo funcionário da prefeitura do Rio Fernando Lyra Reys, fiscal da secretaria municipal de Fazenda.

Fernando acusa Crivella de ter praticado crime de responsabilidade em dezembro de 2018, quando a prefeitura renovou um contrato com duas empresas que fornecem mobiliário para a administração.

02/04/2019