Fotógrafa vira alvo de fúria por foto natalina de bebê segurando miniatura de espingarda

A fotógrafa americana Amy Haehl virou alvo de fúria nas redes sociais após postar uma foto natalina em que um bebê aparece dormindo e segurando uma miniatura de espingarda. Até entre os seguidores de Amy a foto causou mal-estar.

“Vou deixar de segui-la. Quem tiraria uma foto de um bebê com uma arma só para ganhar dinheiro?”, protestou um usuário do Facebook.

“Extremamente de mau-gosto. Armas nunca são fofas. Repugnante. A cultura das armas neste país é uma desgraça”, comentou outra pessoa na rede social, informa o Extra.

Amy, que mora em Indiana (EUA), defendeu-se da polêmica no Facebook:

“Essa foto não é sobre um bebê com uma arma. É sobre amor, tradição, família e felicidade.”

A fotógrafa acrescentou que não quis, com a foto, passar qualquer mensagem política ou se posicionar sobre a delicada questão do porte de armas nos EUA.

“Não quis estimular a violência”, finalizou.

12/11/2018